Ex-presidentes torram R$ 2,5 milhões no primeiro semestre