Caderno 1

Sebastião Oliveira responde a especulação de ‘tomada’ do PR do seu comando com nota onde ratifica sua autonomia no partido.

05 dezembro 2017
Anuncio

Uma notícia caiu como uma ‘bomba’ no cenário político estadual nesta terça-feira (5) na qual se referia a uma possível chegada o ministro Fernando Bezerra Filho ao PR (Partido da República), a chegada do ministro implicaria na tomada da direção do partido no estado, do deputado federal e secretário de Transportes, Sebastião Oliveira. O comando da sigla passaria para o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, que estaria inclinado a apoiar a candidatura do pai do ministro, o senador Fernando Bezerra Coelho ao governo de Pernambuco, desde que lhe fosse ofertada a vaga para André Ferreira disputar o senado.

Embora o meio político tenha se agitado e especulações tenham explodido de todos os lados, onde analistas políticos veem na ação ingredientes fortíssimo de que de fato algo esteja acontecendo, já que é pretensão dos Coelhos desarticular o Governo de Paulo Câmara e chegar ao poder.

Sebastião Oliveira, ainda nesta terça, em resposta a matéria divulgou nota nas redes socias onde, embora não fale diretamente no assunto procura demonstrar tranquilidade e afirma que “possui autonomia outorgada pela Executiva Nacional” do PR. Sebastião lembra ainda na nota que sob a sua presidência, o partido  foi a segunda sigla que mais elegeu prefeitos no Estado.

Leia abaixo a nota na íntegra:

O período eleitoral se aproxima e, neste momento, sinto que é importante me dirigir aos filiados do Partido da República (PR) e à população pernambucana para esclarecer que, no papel de presidente estadual do PR, tenho total autonomia dada pela Executiva Nacional para decidir os destinos que o partido tomará em 2018. Ressalto que entendo os anseios de todos os correligionários e companheiros que possuem mandato, mas não abro mão desta prerrogativa que me foi confiada.

O Partido da República, sob a minha presidência, foi a segunda sigla que mais elegeu prefeitos em Pernambuco nas eleições de 2016. Tenho a ciência da importância do PR em relação ao tempo que lhe pertence na tevê e ao seu prestígio no cenário político brasileiro.

Tenho total conhecimento das diversas investidas que o PR pernambucano tem sido alvo. Enquanto isso, mantive o foco na prudência, na serenidade e no trabalho, mas sempre muito convicto sobre o rumo que o nosso partido irá seguir no próximo ano.

A autonomia que possuo, outorgada pela Executiva Nacional, me permite garantir que ninguém se filiará ao PR de Pernambuco para disputar as eleições do próximo ano que não seja por meio do abono do presidente estadual do PR.

Aproveito para convidar para as pessoas se filiarem ao PR. Venham fortalecer nosso time no processo eletivo de 2018. O PR sempre teve compromisso com o diálogo e continuará agindo assim, mas priorizando as decisões dos seus comandantes, no Estado e na Executiva Nacional.

 Sebastião Oliveira

Deputado Federal licenciado

Presidente Estadual do Partido da República.

Compartilhe:

1 Comentário

  1. Roberto Lira says:

    Onde há fumaça há fogo Sebastontão!
    O PR só não elegeu na tua terra né magnanimo gurú?!?!? Pq tú não quis? Pq tú atrapalhou e atrapalha as oposições mais que qualquer um com esse ego do tamando desse bucho? Ou pq Luciana era competente e o melhor a ser reeleito? Esta última hipótese nunca existiu e as anteriores são mais prováveis.
    Tú é um derrotado em Serra Talhada! Fica longe daqui!!!

Deixe seu comentário

Sobre o Autor

Redação Caderno 1

Posts Relacionados

Curta Nossa Página