Caderno 1

Ex-prefeito de Mirandiba é acusado de fazer pagamento ‘excessivo’ ao seu irmão

21 abril 2017
Anuncio

Após ter suas contas rejeitadas pela Câmara de Vereadores, o ex-prefeito de Mirandiba, Bartolomeu Tiburtino, se envolveu em mais uma polêmica. Desta vez, o ex-gestor está sendo acusado de realizar um pagamento demasiado ao seu irmão, o então ex-secretário de Finanças, Osvaldo Tiburtino.

O ex-secretário recebeu a quantia de R$ 29.346,37 no dia 03/11/2016, referente ao seu salário. Esse valor se atribui ao salário base, férias indenizadas, férias proporcionais, salário proporcional e licença Premium.

De acordo com a Constituição, esse valor torna-se abusivo diante do atual quadro financeiro da cidade, visto que, o teto máximo no município não pode ultrapassar o salário do prefeito. Tornando desta forma, esses números ainda mais exorbitantes.

(*)do blog Cauê Rodrigues

Compartilhe:

Sobre o Autor

Redação Carderno 1

Posts Relacionados

Curta Nossa Página